Jefferson e Fernando Prass: garantia dos rivais está debaixo das traves

Goleiros de Botafogo e Vasco serão os melhores de seus times no Troféu Armando Nogueira nesta quarta. Eles podem definir o clássico

Carlos Alberto? Felipe? Loco Abreu? Maicosuel? Apesar de excelentes, não serão estes os principais nomes que estarão em campo no Engenhão nesta quarta-feira, às 21h, para o clássico Botafogo x Vasco. Se as notas do Troféu Armando Nogueira forem levadas em conta, os dois principais jogadores do duelo estarão em lados bem opostos do campo, de uniforme diferente e luvas nas mãos. Até o fim da 23ª rodada, os goleiros Jefferson e Fernando Prass estão entre os melhores de suas equipes na premiação oferecida pelo SporTV e GLOBOESPORTE.COM.

montagem jefferson e fernando prass, botafogo x vasco
Jefferson e Prass são líderes de suas equipes no Armandão

A fase da dupla é realmente especial. Pelo Botafogo, Jefferson se firmou como um dos principais goleiros do país e foi lembrado por Mano Menezes na primeira convocação da nova Seleção Brasileira. No Brasileirão, o camisa 1 do Glorioso tem média 6,10 em 23 jogos disputados, superando nomes como Loco Abreu, Maicosuel e Herrera. A exceção é Jobson, que tem média 6,50, mas não entrará em campo no Engenhão, nesta quarta-feira.

Top 5 (Armandão)
Botafogo Vasco
1 – Jobson (6,50) 1 – Fernando Prass (6,11)
2 – Jefferson (6,10) 2 – Éder Luis (5,91)
3 – Maicosuel (6,08) 3 – Fagner (5,90)
4 – M. Mattos (6,05) 4 – Felipe (5,66)
5 – Loco Abreu (5,81) 5 – Nilton (5,55)

A maior nota de Jefferson na competição foi 8, obtida em três oportunidades. Contra o Goiás, na terceira rodada, e diante de Grêmio Prudente e Santos, na 18ª e na 20ª. Em todas, ele saiu de campo sem sofrer gols e fez excelentes defesas.

Aos 27 anos, ele está em sua melhor forma e tem ajudado o Botafogo na ótima campanha. Com 38 pontos em 23 jogos, o time treinado por Joel Santana está entre aqueles que se classificariam para a Libertadores de 2011.

A importância de Jefferson é tão grande que nem jogadores como Maicosuel e Loco Abreu receberam notas tão boas quanto as dele. O uruguaio, que voltou a ser titular recentemente, tem média 5,81. Já o Mago tem nota 6,08, dois centésimos a menos do que o goleiro.

Do outro lado, Fernando Prass reina absoluto como melhor jogador do Vasco no Brasileirão. A média 6,11 em 22 partidas é quase igual à de Jefferson, o que mostra o equilíbrio de ambos debaixo das traves. Medalhões como Carlos Alberto nem figuram entre os cinco melhores da equipe. As lesões prejudicaram o camisa 19, que fez apenas cinco partidas no Brasileirão e tem média 5,40.

O melhor jogo de Fernando Prass no Brasileirão foi memorável. No clássico contra o Flamengo, pela 12ª rodada, ele fez uma sequência de defesas incríveis e garantiu o 0 a 0 no Maracanã. A nota 8 foi um prêmio pela atuação impecável debaixo das traves.

PC Gusmão, hoje técnico do Vasco, pode falar com propriedade dos dois. Afinal, ele trabalha com Prass e já teve a oportunidade de treinar Jefferson quando este ainda iniciava a carreira, no Cruzeiro, no início da década.

– Falar deles é muito bom para mim. Trabalhei com o Jefferson no Cruzeiro e com o Fernando aqui no Vasco. Fico feliz com a qualidade deles e com a evolução que atingiram. Eu, que sou ex-goleiro e já fui treinador de goleiros, sinto muito orgulho dos dois estarem nessa forma. Isso mostra o nível dos nossos goleiros. A fase dos dois realmente é excepcional – elogiou PC.

devil fight 2

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: